Caminhão do Futuro? Conheça o novo projeto híbrido (com 2.027 cv e 1.920 km de autonomia)!

O posto de caminhão mais potente do mundo, atualmente ocupado pelo Volvo FH16 750 (com 750 cv de potência), pode, no futuro, ceder espaço à um novato do setor; isso por que a Nikola Motor Kompany, fabricante dos Estados Unidos, divulgou que está trabalhando no projeto de um caminhão híbrido-elétrico de 2000 cv de potência, o Nikola One. As informações são do site Auto Motor Sport.

A proposta do Nikola One é ousada: ser um híbrido-elétrico com autonomia entre 1.200 a 1.900 quilômetros. Para alcançar a meta, a marca aposta em uma bateria de 320 kWh que dispensa o carregamento, já que o caminhão seria dotado de uma turbina a gás natural — esta sim, deve ser reabastecida com gás natural –, que alimentaria a bateria durante o deslocamento do caminhão. Para suprir a necessidade de reabastecimento, a companhia pretende implantar uma rede de 50 pontos nos Estados Unidos.

365513-100660462-large.idge

NIKOLA ZERO
Além do Nikola One, a fabricante trabalha no desenvolvimento do Nikola Zero, um elétrico com tração 4×4 e batería de 50 kHh, que promete autonomia entre 160 a 240 quilômetros.

Apesar de já aceitar reservas, a Nikola tem uma série de desafios adiante. Restam dúvidas se a empresa possui know-how e condições financeiras para seguir com os projetos, que, segundo especulado, pode custar a bagatela de 375 mil e 42 mil dólares, respectivamente.

COMPARTILHAR