Tudo o que você precisa saber antes de trocar as rodas de seu carro

Quem adora personalizar o carro, conhece o item preferido de modificação em automóveis: a roda. O Art. 98 do Código Brasileiro de Trânsito (CTB) diz que nenhum proprietário ou responsável pode, sem prévia autorização da autoridade, fazer modificações das características vindas de fábrica.

A regra é mais específica no artigo 8 da resolução 292 do Denatran que indica que tanto aumentar quanto diminuir o diâmetro externo do conjunto roda/pneu são práticas proibidas. Já o CTB proíbe que o diâmetro das rodas ultrapasse os limites externos dos para-lamas do veículo, o quer dizer que o tamanho total do conjunto roda/pneu não pode ser alterado. Não respeitar esta regra é uma infração grave. O condutor perde cinco  pontos na carteira, paga multa e  pode ter o carro retido, o recomendável é procurar empresas especializadas como a Apollo Racing.

s_MLB_v_F_f_205587487_503Recomendações importantes

Aumentar o diâmetro do aro implica em diminuir a altura do pneu, para manter a proporção original. Já a largura dos pneus (tala) deve ser mantida, para que a direção não fique mais pesada na hora das manobras.

Após a troca das rodas e pneus, deve-se providenciar o balanceamento e alinhamento. O balanceamento garante o equilíbrio do conjunto pneu/roda, com uso de contrapesos, e o alinhamento regula a posição das rodas, mantendo a segurança e a estabilidade ao dirigir.

Não é recomendável utilizar rodas ou pneus recuperados. Eles não garantem qualquer segurança para o veículo e passageiros. E para adquirir as novas rodas e pneus, deve-se procurar lojas especializadas, com garantia e orientação técnica.

Rodas estilizadas

Rebaixar-o-Carro-Pode-Gerar-Problemas-9

Entre os apaixonados por carros, um item em especial é bem desejado. São as rodas com desenhos diferenciados e aros maiores que os originais. Assim, os praticantes do tuning se veem obrigados a trocar o conjunto original por um estilizado, com um modelo bem diferente, que se adapte ao perfil do dono do carro, e que atenda aos mais variados gostos.

Desvantagens

Uma roda maior significa um pneu menor e um pneu menor apresenta menos absorção dos impactos. O pneu colabora na absorção das vibrações, e quando é muito baixo pode aumentar o nível de vibrações dentro do carro. Isso compromete o conforto dos passageiros. Alteração das rodas ainda pode resultar em problemas de freio e suspensão.

rodas-1

Problemas

Modificar o tamanho do conjunto de rodas pode afetar o desempenho do carro, além de prejudicar a dirigibilidade e a segurança, e também provocar o desgaste de algumas peças do veículo. Não é aconselhável colocar uma roda muito grande num carro com pouca potência, já que o motor terá que fazer mais força que o normal, o que faz com que o motor fique em risco de ser afetado negativamente. A perda de potência prejudica o desempenho do veículo. Se as rodas rasparem no para-lama, os pneus sofrem desgaste, o que compromete a dirigibilidade, e se forem muito fechadas podem prejudicar a refrigeração do sistema de freios.

O que diz o manual do veículo?

13320256_1009581239097217_199218049_n

Antes de fazer qualquer alteração no seu carro, é importante consultar o manual do veículo. O fabricante define o limite do tamanho das rodas que o modelo pode receber. Existem tantos tipos, modelos e tamanhos de rodas e pneus que os aficionados por automóveis necessitam orientação diante de tanta oferta dos fabricantes e vendedores de acessórios a Apollo Racing pode lhe ajudar nessa tarega.

Entre rodas de aço com calota ou rodas de liga leve, a diferença é no peso do conjunto. Seguindo as orientações da fabricante, entre os dois materiais, não haverá problemas na troca e nem alteração no consumo de combustível. Se as rodas forem de liga leve, a média de consumo pode até diminuir, além de valorizar o veículo na hora da revenda.

Fonte: ChipsAway

COMPARTILHAR