5 Carros TOPs que você pode comprar por menos de R$ 12 mil reais

Há alguns dias, perguntamos aos leitores quais eram os carros mais bacanas que se pode comprar no Brasil gastando até R$ 12 mil. A ideia é refazer nossa série de posts com os carros mais interessantes, do ponto de vista entusiasta, em determinadas faixas de preço. Agora, chegou a hora de conferir a primeira parte da lista com as sugestões!

Chevrolet Omega (2.0 e 2.2)

Não é difícil defender o Omega: ele é um carro robusto, seguro, de tração traseira e preço acessível. As versões mais potentes e cobiçadas serão abordadas em uma próxima parte, mas com até R$ 15 mil é possível encontrar um bom exemplar equipado com motor de quatro cilindros — o conhecido Família II, com quatro cilindros e comando no cabeçote que já esteve presente em Monza, Kadett, Astra, Vectra, S10, Blazer e outros modelos da Chevrolet no Brasil.

Foto: Reginaldo de Campinas

No Omega, ele pode ser encontrado em versões de 2,0 ou 2,2 litros, ambas com 116 cv — a diferença fica no torque: 17,3 mkgf no primeiro e 20,1 mkgf no segundo. O sistema de suspensão multilink na traseira pode ser um pouco mais complicada na hora de manter, e é preciso tomar bastante cuidado com exemplares muito baratos: é comum que eles tenham sido negligenciados por donos anteriores e, por isso, acabem sendo “desovados” na hora de revender. Dito isso, é uma boa aposta para quem não se importa em pagar um pouco mais pela garantia de boa procedência — não é tão difícil achar um exemplar verdadeiramente bem cuidado por menos de R$ 12 mil.

Honda Civic

Se o atual Honda Civic é um sedã médio que custa entre R$ 78 mil e R$ 94 mil e está longe demais desta faixa de preços, o mesmo não pode ser dito dos modelos mais antigos. Os carros de quinta e sexta geração raramente ultrapassam os R$ 12 mil, e há uma boa variedade de carrocerias e motorizações. Um Civic EX  (versão mais equipada, com motor de 1,6 litro com comando variável VTEC e 127 cv) em bom estado pode sair por R$ 12 mil, se você souber onde procurar.

Foto reprodução

Existem versões ainda mais em conta, como o Civic sedã ou hatch de quinta geração, com motor de 1,5 litro e 92 cv, que pode ser encontrado por menos de R$ 10 mil. Só atente para um detalhe: os motores da Honda são conhecidos por sua longevidade e, por isso, é dificílimo encontrar um exemplar que tenha rodado menos de 100 mil km. Um carro que tenha garantia de procedência é o melhor caminho — a não ser que o seu plano seja criar um project car.

Chevrolet Kadett

Espaço interno para lá de razoável, mecânica consagrada, visual agradável e bom preço: o Chevrolet Kadett é um dos carros que melhor unem estas características: o médio-pequeno tem motores de 1,8 ou dois litros, com carburador ou injeção eletrônica (nas versões fabricadas a partir de 1992), acomoda muito bem cinco pessoas e dificilmente dá problemas mecânicos.

Foto reprodução

Os exemplares muito baratos costumam ser bastante surrados, mas algo entre R$ 7 mil e R$ 9 mil já compram um Kadett inteirinho. Com sorte, você até encontra um GSi, com motor 2.0 injetado de 121 cv, bancos Recaro, visual exclusivo e, em alguns casos, painel digital, por menos de R$ 15 mil. Mas a gente o deixaria para a próxima lista…

Chevrolet Vectra

Está cada vez mais difícil encontrar um Vectra GSi, esportivo equipado com o mítico motor C20XE, de dois litros, 16 válvulas e 150 cv, por menos de R$ 12 mil. Uma boa alternativa para quem quer um Vectra, porém, são os modelos de segunda geração.

Foto reprodução

O design do sedã de origem Opel é um dos melhores já vistos em solo brasileiro — há quem diga que o Vectra continua atual até hoje —, mas não é só isto: seus motores de dois ou 2,2 litros são confiáveis e razoavelmente potentes (o 2.2 com cabeçote de 16 válvulas tem 138 cv), espaço e acabamento interno são excelentes e há um bom mercado para o sedã. Se você gosta de pegar a estrada, a carroceria aerodinâmica ajuda na velocidade e no consumo. Os preços variam entre R$ 8 mil e R$ 15 mil (que te compram um exemplar muitíssimo bem conservado, sabendo onde procurar).

VW Golf (Mk3)

Há alguns anos era praticamente impossível encontrar um VW Golf de terceira geração — modelo vendido no Brasil entre 1994 e 1999 — os exemplares baratos, de até R$ 8 mil, eram mal cuidados e, para conseguir um Golf Mk3 em estado razoável, só pagando pelo menos R$ 15 mil.

Foto reprodução

Algo mudou, pois hoje em dia até que se encontram carros bonitos e conservados por algo entre R$ 8 mil e R$ 12 mil. A versão mais completa, GLX, com trio elétrico e bancos de veludo; e o Golf GTi, com visual esportivo e carroceria de duas portas, são equipadas com motor 2.0 8v de 114 cv. Já o Golf GL, versão de entrada que começou a ser importada em 1995, tinha motor de 1,8 litro e 90 cv.

Fonte: FlatOUT