Chevrolet Cruze 2020 começa a ser vendido; veja preço e detalhes da máquina (16 fotos)

Quase dois meses depois de ser apresentado à imprensa, o Chevrolet Cruze 2020 enfim começa a ser oferecido pela General Motors em seu site. Com design renovado inspirado no irmão maior Malibu e com mais tecnologias, como conexão Wi-Fi 4G a bordo, o sedã custa R$ 122.790 na versão Premier, a mais cara e a única disponível no momento, enquanto sua variante hatch Sport6 sai por R$ 123.790.

O Chevrolet Cruze 2020 é o único carro que a GM ainda produz na Argentina, embora a fabricante esteja investindo para inserir um novo modelo na linha de montagem. Na linha 2020, tanto o sedã quanto o hatch tiveram uma alteração no visual, a mesma que estreou nos Estados Unidos em abril de 2018. As novas linhas replicam o design do Malibu, com uma barra horizontal cromada dividindo a grade frontal e um novo para-choque frontal que muda a área dos faróis de neblina.

Tirando a parte estética, o grande destaque do Cruze reestilizado é sua lista de equipamentos. Recebeu a nova geração da central multimídia MyLink, mais rápida, com conexão Bluetooth melhorada e capaz de acessar a internet com uma conexão dedicada. Quem comprar o carro terá 3 meses grátis (ou 3 GB de limite), e depois o proprietário terá que escolher um plano da Claro a partir de R$ 29,90 ao mês. Também ganhou um novo sistema de carregamento wireless para smartphone, frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres e um botão que desativa o start-stop do motor – algo que falta no modelo anterior.

O pacote de equipamentos da versão Premier traz seis airbags (frontal, lateral e de cortina), alarme, alerta de ponto cego, assistente de permanência em faixa, controle de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, faróis de neblina, farol alto adaptativo, luz de condução diurna em LED, Isofix, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, lanternas em LED, roda de liga leve de 17”, acabamento premium para o volante e os bancos, acendimento automático dos faróis, sensor de chuva, ar-condicionado digital automático, câmera de ré, central multimídia com tela de 8”, integração com Android Auto e Apple CarPlay, partida sem chave e mais. O hatch Sport6 ainda conta com teto solar, item que não é oferecido no sedã.

Sua mecânica continua a mesma, utilizando o motor 1.4 turbo flex de 153 cv a 5.200 rpm e torque máximo de 24,5 kgfm a 2.000 rpm, sempre com câmbio automático de 6 marchas. O programa de etiquetagem do Inmetro diz que ele faz 9,4 km/litro na estrada e 7,6 km/litro na cidade, com etanol. Usando gasolina, este rendimento passa para 13,9 km/litro e 11,1 km/litro, respectivamente.

Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução
Foto reprodução

Fonte: Motor1/Fotos: Motor1.com e divulgação