Nova moto Honda CB1000 acaba de chegar às lojas; veja quanto ela vai custar

A Honda iniciou no mês de março a venda da nova CB1000R, que adota o estilo “Neo Sports Café” com forte apelo retrô. Com chegada às lojas, a supernaked já foi avaliada pelo Motor1.com e tem preço de R$ 58.690.

Honda CB 1000R 2019 no Brasil
Foto reprodução
honda cb1000r 2019 test ride na italia
Foto reprodução

Pesando apenas 199 kg e com a potência de 141,4 cv gerada pelo motor de quatro cilindros e 998 cm3, a CB1000R é tão rápida que, segundo a Honda, deixa para trás inclusive a superesportiva CBR1000RR Fireblade nas três primeiras marchas, até os 130 km/h. O piloto pode optar por quatro modos de pilotagem: Rain, Standard, Sport e User, que alteram a resposta do acelerador, potência, controle de tração e freio-motor.

honda cb1000r 2019 test ride na italia 1
Foto reprodução

Um dos destaques da nova CB1000R é a iluminação full LED com assinatura DRL (Daytime Running Light) na dianteira e traseira. O estilo naked é evidenciado pela presença de apenas seis painéis de carroceria em plástico, que deixam em destaque o tanque de aço sem soldas à vista e os detalhes usinados no motor pintado de preto. O painel é totalmente digital, mas agora com o conta-giros em formato circular.

honda cb1000r 2019 test ride na italia 2
Foto reprodução

O sistema de freios é composto de discos flutuantes de 310 mm na dianteira com cálipers radiais de quatro pistões. Na traseira, o cáliper de dois pistões age no disco único de 256 mm. A roda traseira côncava calça pneu de 190/55 ZR17, enquanto na frente o pneu tem medidas 120/70 ZR17.

O câmbio de seis marchas conta com embreagem deslizante de comando hidráulico, item que auxilia nas reduções de marcha radicais em pilotagem esportiva, limitando eventuais perdas de aderência do pneu traseiro.

honda cb1000r 2019 test ride na italia 3
Foto reprodução

Disponível nas cores vermelha metálica e preta perolizada, a nova CB1000R tem garantia de três anos sem limite de quilometragem e assistência 24 horas em países da América do Sul.

Fonte: Mortor1