7 carros TOPs que saíram de linha em 2020 e você ainda não sabe

1

Infelizmente o ano de 2020 não foi fácil para ninguém e a indústria automobilística nacional sofreu mais ainda do que o esperado. Diversas fábricas passaram por paralisações e o ritmo de produção caiu em alguns períodos do ano por conta da pandemia.

Vários veículos considerados TOPs pelo mercado com um histórico de muitas vendas deixaram de ser produzidos no Brasil em 2020, seja por conta da crise ou mesmo por uma questão estratégica das marcas no Brasil.

Volkswagen Passat

Famoso nas décadas de 1970, 80 e 90 o Passat fez história no Brasil quando começou a ser produzido. Ele foi oferecido aqui em sua oitava geração até agosto de 2020, importado da Alemanha.

Volkswagen Passat/ Foto reprodução
Volkswagen Passat/ Foto reprodução

Volkswagen Golf

Mais um ícone do cenário automotivo brasileiro que deixou nosso mercado em 2020, após 25 anos de comercialização. O hatch alemão tem uma legião de fãs, mas isso não foi o suficiente para que continuasse em produção no País a partir de 2019.

Volkswagen Golf / Foto reprodução
Volkswagen Golf / Foto reprodução

A última geração que recebemos do Golf foi a sétima e a última versão que tivemos, importada, foi a GTE híbrida, que segue em produção na Europa.

Ford Fusion

Em 2020, antes mesmo de anunciar sua saída do Brasil, a Ford já havia deixado de fabricar o Fusion O sedã médio-grande foi lançado em 2005 nos EUA e chegou ao Brasil em 2016 com um motor 2.3 Duratec de 162 cv de potência e câmbio manual de cinco marchas.

Ford Fusion / Foto reprodução
Ford Fusion / Foto reprodução

Em sua última versão, o Fusion era equipado com motor 2.0 EcoBoost de 248 cv e transmissão automática de seis velocidades.

Hyundai Elantra

Presente no Brasil desde 2011, o Hyundai Elantra saiu do catálogo da Hyundai no Brasil em 2020. Mais uma vítima do estrondoso crescimento do SUVs em nosso mercado, o sedã médio viu sua representatividade decrescer e tornou-se inviável para a marca.

Hyundai Elantra / Foto reprodução
Hyundai Elantra / Foto reprodução

Apesar de ele ter sido renovado lá fora, a Hyundai não deu indícios de que o Elantra voltará ao Brasil. Seu último modelo vinha com motor 2.0 flex de 167 cv de potência.

Fiat Weekend

Segmento vítima do sucesso dos SUVs, o das peruas está sofrendo cada vez mais no mercado. A Fiat Weekend lançada em 2007 foi um sucesso no País e, depois de 23 anos, chegou ao fim em 2020.

Fiat Weekend / Foto reprodução
Fiat Weekend / Foto reprodução

A perua foi pioneira por aqui ao integrar em seu visual uma característica aventureira (batizada na linha de Adventure), uma tendência que se espalhou no mercado.

Chevrolet Cobalt

O sedã da marca norte-americana saiu de linha para dar espaço ao recém lançado Onix Plus, que logo se tornou um grande sucesso da marca no Brasil.

Chevrolet Cobalt / Foto reprodução
Chevrolet Cobalt / Foto reprodução

O Cobalt foi lançado em 2011 e em uma de suas últimas versões contava com motor 1.4 EconoFlex de 106 cv de potência, com opção de câmbio manual e automático de seis marcas.

Mitsubishi Lancer

Carregando um nome lendário, o Mitsubishi Lancer fez sucesso no País e recentemente sofreu com o crescimento de outros sedãs médios.

O modelo tem muitos fãs e admiradores até hoje, mas, com o encolhimento do mercado, sobrou pouco espaço no segmento que é liderado pelos também nipônicos Toyota Corolla e Honda Civic.

Mitsubishi Lancer / Foto reprodução
Mitsubishi Lancer / Foto reprodução

Suas mais recentes versões eram equipadas com motor 2.0 de 160 cv de potência e câmbio manual de 5 marchas ou automático CVT. As versões mais esportivas do carro, que tem tudo para se tornar um clássico no País, vinham com motor 2.0 turbo e câmbio de dupla embreagem de 6 marchas. (Fonte: iCarros)